8 Maneiras de Aumentar o Desempenho do seu PC com Windows 10

    Seu computador já começou a funcionar mais devagar, mesmo que você não jogue jogos e apenas o use para sites como 20bet.com/br ou Netflix? Se sim, use estas dicas para acelerar e aumentar o desempenho do Windows 10.

    Instale as Atualizações Mais Recentes do Sistema

    As atualizações do sistema operacional podem impactar diretamente o desempenho. Por exemplo, a atualização de 1903 afetou os processadores Ryzen. No entanto, às vezes patches também podem resultar em perda de desempenho. Em todo caso, é sempre aconselhável atualizar para a versão mais recente, por razões de segurança.

    Remova o Visual do Sistema Operacional

    Com o advento do Windows Aero (e a partir do Win 8 também Metro), a carga de hardware aumentou, visível apenas em computadores fracos e antigos. Felizmente, você pode desativar todos os efeitos desnecessários. Além disso, você pode remover o papel de parede, colocando uma cor sólida. É interessante notar que o Windows 10 não tem a cor azul padrão que todos estão acostumados no tema clássico. Mas você pode instalá-lo sozinho.

    É irônico, mas eu tinha um bug no Windows 7 que, pelo contrário, levava mais tempo para carregar se uma cor sólida era utilizada em vez do papel de parede.

    A última coisa a fazer é desativar a transparência da interface. Vá para a guia “Cores” e desative os efeitos de transparência, os outros itens podem ser selecionados à sua escolha.

    Mova o Arquivo de Troca (Swap) para SSD

    Você nunca pode ter muita memória, mesmo se o seu sistema tem 16 gigabytes ou mais, você ainda vai precisar de um arquivo swap. A melhor opção para armazená-lo é um SSD.

    Se o arquivo de troca estiver localizado em um disco rígido, você pode sentir lentidão quando a RAM estiver cheia. Nesses casos, mova o arquivo de troca para um SSD. Primeiro você deve remover o arquivo de troca do disco e, em seguida, configurá-lo novamente no SSD. Se o seu sistema não tiver um SSD, coloque o arquivo em um disco sem programas ou jogos usados com frequência.

    Ative o Modo de Jogo

    Na maioria dos casos, você não vai notar a diferença. O modo é projetado principalmente para que nenhum aplicativo externo interfira no jogo que estiver rodando, se você tiver um processador fraco e o jogo carregá-lo ao máximo. Da mesma forma, você pode simplesmente encerrar todos os processos desnecessários antes de iniciar o jogo.

    Remova Programas Não Utilizados do Autorun

    Programas que rodam junto com o sistema e trabalham em segundo plano não são usados todos os dias. Acontece que eles simplesmente obstruem a RAM e retardam a inicialização do sistema.

    Um botão direito do mouse sobre o programa irá abrir um menu onde você pode desativá-lo ou consulte a Internet para mais informações. Sempre verifique o que você está desabilitando!

    Alterne do Directx 11 para Directx 12 ou vice-versa

    Directx 12 é uma API moderna que foi introduzida com o Windows 10 em 2015 (e agora está disponível no Windows 7). Em teoria, ele deve aproveitar melhor o desempenho de processadores multicore e fornecer mais frames em jogos. Mas, na prática, tudo depende do jogo, das configurações gráficas e do PC.

    Você pode executar o jogo em Directx 12 através das configurações do jogo ou com o executável correspondente. Por exemplo: o Controle tem dois arquivos exe para executar em DX11 ou DX12.

    Desabilite as Notificações

    As notificações têm pouco efeito sobre o desempenho, mas quando há muitas delas ativadas, podem ser inconvenientes. Use o atalho Win + I para abrir “Configurações do Windows” e selecione “Sistema”. Na guia “Notificações e Ações”, desative tudo que não for essencial.

    Desative a Sincronização do Onedrive

    Se você não usar o Onedrive, desative-o. No Windows 10 Home, isso é feito usando o ícone na área de notificação. Vá para as configurações e desmarque a opção “Iniciar Onedrive Automaticamente ao Iniciar o Windows.” Em seguida, desative-o.

Deixe um comentário