Economia

Volume financeiro da Ibovespa nesta quarta chegou a R$ 5,5 bilhões

Ibovespa quase bateu a máxima histórica de 108 mil pontos, um grande avanço na economia.

bolsa de valores

Esta quarta-feira (23/10) foi muito importante para a economia nacional, a bolsa brasileira, Ibovespa, chegou a movimentar 5,55 bilhões de reais, uma máxima histórica que se aproximou muito dos 108 mil pontos. Durante esta semana a bolsa vem se mantendo muito acima do esperado.

As principais ações a puxarem o terceiro pregão em alta foram as da WEG, com um bom crescimento nas margens de lucro.

No balanço máximo desta quarta a Ibovespa chegou aos seus 107.958,82 pontos, uma alta geral de 0,44%, com volume financeiro que superou os R$ 5,5 bilhões.

Reforma da Previdência

A alta dos últimos dias se deve a quase certa aprovação da Reforma da Previdência. Esta mudança drástica na economia nacional poderá gerar uma economia de R$ 800 bilhões em 10 anos e isso animou o mercado brasileiro.

Praticamente todas as ações de empresas nacionais subiram, onde além da reforma, a taxa de juros da Selic estando baixa, vem cooperando para uma excelente recuperação neste último trimestre de 2019.

Outro fator que coopera para a melhoria econômica no país, são as compras de fim de ano e a liberação dos valores de contas ativas e inativas do FGTS.

O futuro se continuar neste “embalo” pode se mostrar bem otimista. De agora para frente os preços de produtos e o controle da inflação será resultado de um terceiro trimestre consolidado.

Salários de militares devem subir drasticamente após Reforma da Previdência.

Ibovespa cada vez mais alta

Após superar a marca de 106.700 pontos, algo que a muito tempo não chegava nem próximo, sempre abaixo dos 100 mil pontos, a bolsa brasileira conquistou ainda mais espaço para avançar, onde já é possível imaginar um cenário onde a Ibovespa chegue em seus 120 mil pontos.

É preciso selecionar bem as ações daqui pra frente, pois haverá investimentos que trarão retornos bem consideráveis.

Estados Unidos x China

A possível conversa mais amigável entre Estados Unidos e China também vem surtindo efeito na bolsa Brasileira. Nesta semana o responsável comercial da Casa Branca disse estar animado com as negociações e que há grandes chances da taxação marcada para a próxima semana não acontecer.

Leave your vote

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

GIPHY App Key not set. Please check settings

To Top

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.