Pouso de emergência de Ural Airlines em milharal na Rússia deixa 23 feridos

Uma notícia chocou o mundo na manhã desta quinta-feira (15/08), um avião da Ural Airlines com 226 passageiros e 7 tripulantes fez um pouso de emergência em um milharal na “região metropolitana” da capital russa, Moscou.

O Airbus A321 que havia acabado de decolar, colidiu com um bando de pássaros, o que interferiu diretamente com a motorização da aeronave, forçando o piloto a realizar este procedimento de emergência. Todas as informações foram prestadas pelas autoridades da Rússia.

O Ministério da Saúde da Rússia publicou um comunicado onde até esta manhã cerca de 23 pessoas, das quais 9 eram crianças, ficaram feridas durante o pouso e estão nos hospitais da região.

Concursos em área de segurança deverão exigir exames toxicológico.

Entenda o caso

A aeronave Airbus veio a colidir com os pássaros assim que decolou do aeroporto de Zhukovsky, uma região suburbana de Moscou.

O horário da decolagem foi nesta madrugada de quinta-feira, às 3h20 (horário de Brasília). O destino era a cidade de Simferopol, uma das principais cidades da península ucraniana da Crimeia, que teve sua inclusão à Rússia no último ano de 2014.

As informações vieram da agência russa de transporte aéreo federal (Rosaviatsia). O comunicado oficial veio ainda nesta manhã, onde citou que diversas aves acabaram atrapalhando a operação dos motores, obrigando a tripulação a realizar o pouso de emergência.

O avião pousou em um milharal a pouco mais de um quilômetro da pista, onde não houve tempo de acionar os trens de pouso.

Todo o caso está sendo apurado pelo Comitê de Investigação da Rússia.

Deixe um comentário