Entretenimento

Vocalista da Zimbra, Bola comenta novo single “Barco de Papel”

O vocalista da Zimbra, Bola, acabou de lançar o single “Barco de Papel”. A faixa aborda o amadurecimento enquanto mixa elementos do folk orgânico com música eletrônica. A faixa é um lançamento do selo Elevarte Music.

O single foi gravado ao decorrer de 2018 e 2019 no homestudio do baixista e produtor Bruno Pelloni, em Santos, São Paulo. O processo de concepção do arranjo ainda contou com o auxílio do guitarrista da Zimbra, Vitor Fernandes. Já a mixagem e a masterização ficaram a cargo do guitarrista da Bula, André Freitas. 

Lançado recentemente, “Barco de Papel” mistura o folk orgânico com a música eletrônica. Como foi o desenvolvimento desse projeto?

Foi bem massa, eu tinha muito pouca experiência técnica com esse tipo de coisa, mas muitas ideias sobre o que fazer. Quando sentei com o Bruno, produtor da faixa, para conversar sobre, a gente ouviu algumas referências e desenvolveu a linguagem do single, que foi mais fácil de botar em prática pois o Bruno já tinha identificação com beats e loops. Foi bem prazeroso porque além de tudo foi um processo inédito para mim.

Considerada uma música sobre autoconhecimento, ingenuidade e anseios, qual foi sua inspiração na produção?

Exatamente esses temas citados, acho que todo mundo passar por essa fase da vida um dia e quando a gente está do lado que já passou é engraçado de ver o que é se tornar um adulto, embora a gente imagine quando criança a sensação real é muito diferente.

Conte-nos um pouco sobre seu trabalho com Vitor Fernandes, André Freitas e Bruno Pelloni?

Foi muito massa trabalhar com os 3, a gente se conhece a muito tempo. O Vitor é guitarrista da Zimbra e meu primo. O Bruno trabalha na Zimbra e em paralelo a gente sempre produziu muitas coisas juntos, e o André eu conheci pessoalmente há pouco tempo, mas já era muito fã do trabalho dele e me tornei fã da pessoa também, daí fica fácil.

Como foi o seu começo no meio musical e a entrada na Zimbra?

Comecei a tocar com 14 anos, junto com o Vitor e fundamos o que se tornou a Zimbra hoje em dia lá em 2007.

Quais são seus outros planos para esse ano?

Lançar no mínimo mais 2 singles solo e alguns materiais inéditos com a Zimbra.

Deixe uma mensagem.

Muito obrigado pelo espaço e ouçam muito o single novo, foi feito com muito amor. 🙂

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top