Como limpar porcelanato polido pós-obra

Existem inúmeros tipos de pisos e revestimentos em se tratando de construir ou reformar. Neste sentido, uma opção bastante agradável, e cada vez mais utilizada atualmente, é o porcelanato polido.

Ele possui um alto brilho, o que traz sofisticação para diferentes ambientes internos. Mas você pode estar se perguntando “dá muito trabalho para limpá-lo após o término da obra?” A boa notícia é que esse processo pode ser mais fácil do que você imagina!

Neste artigo, vamos saber mais sobre o porcelanato polido e como realizar a limpeza da maneira adequada. Além disso, saiba quais os materiais necessários para isto. Veja também os equipamentos que podem ser encontrados em empresas de locação de equipamentos para o setor de construção.

Considerações sobre o porcelanato polido

Conhecido por ser um revestimento que recebe polimento depois da fabricação, o porcelanato polido é um dos mais usados atualmente. Isso porque ele é capaz de refletir a luminosidade. Assim, deixa o ambiente mais claro e amplo.

Mas quanto mais liso e brilhante é a sua superfície, mais escorregadio ele fica quando em contato com a água. 

Ainda que o porcelanato polido combine com diferentes decorações, não é recomendado usá-lo em todos os cômodos da casa. Por isso, veja algumas informações para avaliar onde colocá-lo.

Onde usar

Quando se trata do uso de porcelanato polido, os cômodos mais indicados são os mais secos. São eles: quartos, salas, escritórios, corredores, halls, lavabos e paredes de banheiro. Isso se deve ao fato de que este revestimento não possui antiderrapantes.

Onde não usar

Agora, quando falamos em áreas que não são propícias para sua instalação vale a pena citar: banheiros, lavanderias, cozinhas, varandas, sacadas abertas e demais áreas externas.

Materiais e equipamentos utilizados na limpeza do porcelanato polido 

Para a realização da limpeza do porcelanato pós-obra, certifique-se de que você tem todos os materiais necessários para este processo. São eles: vassoura com cerdas macias, aspirador de pó, esponja, balde, pano ou flanela, água, sabão neutro, detergente neutro e saponáceo cremoso.

Limpeza Leve

Comece a limpeza removendo todos os resíduos secos com auxílio de uma vassoura ou aspirador de pó. Em seguida, remova os excessos de rejunte e argamassa com o auxílio de um pano úmido.

Limpezas com água só devem ser realizadas após 07 dias da aplicação. Assim, o porcelanato já estará assentado e rejuntado.

Em um balde, dilua os produtos de uso comum na água e aplique-os com o auxílio de um pano. Também é possível esfregá-lo, utilizando uma vassoura de cerdas macias. Após efetuar a limpeza do porcelanato, enxágue-o e seque tudo com um pano.

Limpeza pesada

Caso a limpeza não tenha sido feita logo após a aplicação do porcelanato, a remoção dos resíduos pode ser mais difícil. Mas existem produtos especializados na remoção de materiais como rejuntes, cimentos e argamassa para porcelanato.

Todos possuem um alto grau de eficácia, se comparado aos produtos domésticos comuns. Desta forma, é necessário estar atento na hora de aplicá-los. Caso não sejam seguidas as instruções na embalagem, o acabamento do porcelanato pode ficar comprometido.

Antes de utilizar produtos de limpeza pós-obra em porcelanatos, recomenda-se testar em uma peça não assentada. Mas caso não tenha uma peça sobrando, o teste pode ser realizado em uma parte não evidente da peça. O principal objetivo é se certificar de que o produto não irá danificar a peça.

Uma dica valiosa

Caso a área a ser limpa seja relativamente grande, indica-se que a aplicação seja feita de forma mecânica. Pode-se fazer uso de uma enceradeira ou politriz. Estes equipamentos são facilmente encontrados em empresas de locação de equipamentos.

Conclusão

Se você chegou até aqui, significa que já percebeu que realizar a limpeza de porcelanato polido pós-obra não é um bicho de sete cabeças, não é?

Afinal, com a praticidade adquirida ao realizar a locação de equipamentos adequados para a limpeza, tudo fica ainda mais fácil!

Ao longo deste artigo, ficou claro que a limpeza do porcelanato polido pós-obra deve ser feita imediatamente após a aplicação. Isso porque o que seria um processo leve e econômico, pode acabar se tornando pesado com o passar do tempo.

Cabe também lembrar a importância de seguir as instruções dos produtos de limpeza pesada especiais para porcelanato. Desta maneira, é possível evitar danos nas peças ou até mesmo problemas no acabamento.

E entre todas as vantagens da utilização de porcelanato polido, está a praticidade de limpeza diária. Afinal, basta passar uma vassoura de pelo e em seguida um pano úmido com sabão neutro e pronto. Só esperar secar!

Por fim, e, com certeza, não menos importante, queremos lembrar da necessidade de utilizar equipamentos para proteção individual (EPIs).

Alguns dos equipamentos mais importantes para assentamento e limpeza de porcelanatos são as luvas emborrachadas, botas, óculos de proteção e calças compridas.
Todos estes itens também podem ser incluídos no contrato de locação de equipamentos.

Deixe um comentário